Melhores de 2012: Maquiagem

The HobbitDos dez anos que separam “O Senhor Dos Anéis – A Sociedade do Anel” de “O Hobbit – Uma Jornada Inesperada”, Peter Jackson provavelmente sentiu intensamente todas as transformações da tecnologia do cinema. Se na trilogia “O Senhor dos Anéis” o cineasta fez milagre com a captura de performance para dar vida a Gollum e também com o uso de maquetes para construir cenários grandiosos, em “O Hobbit – Uma Jornada Inesperada” há o uso da inédita tecnologia High Frame Rate, que registra 48 quadros por segundo (para compreender melhor, clique aqui). Porém, este universo fantástico só se tornaria crível com um trabalho que pode ser considerado bem artesanal: a maquiagem. Através da equipe liderada pelo trio Peter King, Rick Findlater e Tami Lane, “O Hobbit – Uma Jornada Inesperada” impressiona com o realismo que caracteriza as ameaçadoras criaturas da Idade Média.

Vencedor: “O Hobbit – Uma Jornada Inesperada” (Peter King, Rick Findlater e Tami Lane)

Outros indicados: “Albert Nobbs” | “Holy Motors” | “O Impossível” | “Prometheus

Em 2011:A Minha Versão do Amor
Em 2010:
O Lobisomem
Em 2009: “O Curioso Caso de Benjamin Button
Em 2008: “As Crônicas de Nárnia – Príncipe Caspian”
Em 2007:  “Apocalypto

Anúncios

Opine!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s