Malu de Bicicleta

Seja no circuito comercial ou restrito, o cinema nacional não estava com uma boa remessa de filmes ao longo dos últimos meses. Uma das poucas exceções é “Malu de Bicicleta”. O acerto da nova realização de Flávio R. Tambellini (“O Passageiro – Segredos de Adulto”, “Bufo & Spallanzani) concentra-se na escolha de Marcelo Rubens Paiva em adaptar o seu próprio romance publicado em 2004. Tem-se assim um programa descompromissado e com boa fluência no relato que faz de um relacionamento contemporâneo.

Jovem empresário, Luiz Mário (Marcelo Serrado, sempre ótimo) envolve-se numa grande confusão, consequência das inúmeras amantes que tem. Deixa temporariamente o night club paulistano que gerencia para os seus colegas de negócios e viaja para o Rio de Janeiro com intenção de dar uma pausa em novas investidas amorosas. E aí surge Malu (Fernanda de Freitas), moça belíssima que atraí todas as atenções de Luiz. Papo vem, papo vai e os dois se apaixonam verdadeiramente. O impasse é que o trabalho é uma das maiores prioridades para ambos e ficará difícil manter o namoro entre a distância que há entre São Paulo e o Rio de Janeiro.

Desde seu lançamento nos cinemas, “Malu de Bicicleta” tem sido comparado com alguns exemplares americanos por conta da condução narrativa imposta por Tambellini. Inicialmente, o filme realmente remete a algumas situações já vistas em produções estrangeiras. “Amor à Distância”, por exemplo, é uma comédia recente que também relata os encontros e desencontros de duas pessoas que pertencem a lugares diferentes. O diferencial está no perfil dos protagonistas. Se Malu aos poucos vai se mostrando mais independente do que em suas primeiras aparições, Luiz testemunha pela primeira vez os ciúmes que nutre por alguém que está perdidamente apaixonado. Neste choque de comportamentos que destoam entre si, “Malu de Bicicleta” revela-se mais autêntico do que prometido e uma boa sugestão para quem está à procura de um título nacional que não aborreça.

Título Original: Malu de Bicicleta
Ano de Produção: 2010
Direção: Flávio R. Tambellini
Roteiro: Marcelo Rubens Paiva, baseado no romance de sua autoria
Elenco: Marcelo Serrado, Fernanda de Freitas, Marjorie Estiano, Maria Manoella, Lívia de Bueno, Daniela Galli, Juliana Lohmann, Carolina Manica, Maria Manoela, Otávio Martins e Daniele Suzuki
Cotação: 3 Stars

Anúncios

5 Respostas para “Malu de Bicicleta

  1. Ainda acho que o filme tem problemas de roteiro, na metade final fica um tanto arrastado, mas é de se louvar uma comédia romântica brasileira que não apela pra um texto ridículo e degradante (como os muitos da Globo Filmes) ou para uma comédia física que no fundo nem tem graça (O Homem do Futuro, por exemplo).

  2. Pingback: Melhores de 2011 – Indicados « Cine Resenhas – 5 Anos·

  3. Pingback: Melhores de 2011: Filme Nacional « Cine Resenhas·

  4. Pingback: Melhores de 2012: Filme Nacional | Cine Resenhas·

Opine!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s