Machete


Quando “Grindhouse” foi lançado nos Estados Unidos a maior atração do projeto foi os seus impagáveis trailers falsos. Foi apresentado “Thanksgiving”, de Eli Roth, “Don’t”, de Edgar Wright, “Werewolf Women of the S.S.”, de Rob Zombie e o mais famoso de todos “Machete”, de Robert Rodriguez. O hilário segmento mostrava Danny Trejo como um herói que exterminava suas vítimas com uma peixeira. A brincadeira fez tanto sucesso que Robert Rodriguez, com a parceria de Ethan Maniquis, adaptou o vídeo de dois minutos para um longa-metragem de uma hora e meia. Entretanto, se “Machete” funcionava que era uma maravilha naquele formato agora tudo não passa de mais um projeto equivocado de Robert Rodriguez, que não deve acertar uma até que concentre suas atenções em “Sin City 2”, previsto para ser filmado apenas em 2012.

O roteiro, segundo as ambições de Robert e Álvaro Rodriguez, parece ser o que menos importa. É uma velha história de traição e vingança, com Machete Cortez (Danny Drejo, pela primeira vez em um “grande papel” após duas centenas de projetos) à procura de Torrez (Steven Seagal) por matar sua esposa no passado e também sendo enganado ao ser pago para assassinar o senador John McLaughlin (Robert De Niro). Acrescente aí mulheres sexy portando armas enormes, muito sangue falso e a presença de outras heroínas, Luz (Michelle Rodriguez) e Sartana Rivera (Jessica Alba, pior do que o filme em que atua), Pronto, está aí os elementos de uma história que ainda tem como pano de fundo a situação da imigração ilegal.

Mesmo à sombra de Quentin Tarantino (ambos são muito comparados profissionalmente pelas constantes parcerias e verdadeira amizade fora dos estúdios), Robert Rodriguez se mostrou um bom realizador tanto no espetacular “Sin City – A Cidade do Pecado” quanto em produções modestas que brincavam com chavões cinematográficos como “Um Drink no Inferno” e “Prova Final”. Atualmente, só anda perdendo o vigor. Isto porque seu trabalho obtém um resultado similar àquele visto recentemente em “Piranha“, de Alejandre Aja. Como comentado em outra oportunidade, Robert Rodriguez acredita que para conceber uma obra de culto é necessário apenas manusear algumas precariedades do gênero trash a favor de uma estrutura descolada, só que sem astúcia alguma. Dá a impressão de que Uwe Boll anda fazendo escola…

Título Original: Machete
Ano de Produção: 2010
Direção: Robert Rodriguez e Ethan Maniquis
Roteiro: Álvaro Rodríguez e Robert Rodriguez
Elenco: Danny Trejo, Jessica Alba, Michelle Rodriguez, Robert De Niro, Steven Seagal, Jeff Fahey, Don Johnson, Lindsay Lohan, Cheech Marin, Shea Whigham, Daryl Sabara, Gilbert Trejo e Electra Avellan
Cotação: 1 Star

Anúncios

6 Respostas para “Machete

  1. não to muito curioso para ver o filme, mas bah… eu achei ‘piranha’ um dos filmes mais divertidos do ano… extremamente despretencioso e uma verdadeira homenagem ao cinema dos anos 80 (a melhor época do horror)… mas não sou muito fã do robert rodriguez. ele teve alguns poucos acertos, mas na maioria são fílmes medíocres.

    http://filme-do-dia.blogspot.com/

  2. Pingback: O Assassino em Mim « Cine Resenhas·

  3. Pingback: O Vingador | Cine Resenhas·

Opine!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s